Home
 

 
 
 
Programa de Especialização em Radares da Omnisys

A Omnisys, a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT/USP) assinaram convênios de cooperação cujo objetivo é a capacitação de engenheiros pós-graduandos em técnicas e conhecimentos em diferentes especialidades de projetos e tecnologias voltados para a área de radares. O convênio ocorre no âmbito do Programa de Especialização em Radares da Omnisys (PERO). Criado pela Omnisys em 2002, o PERO tem como objetivo suprir as necessidades de mão de obra de engenharia da empresa, altamente especializada. Atualmente, são 7 os participantes do programa.

Esses convênios visam o trabalho em parceria entre as três instituições com vistas à formação de engenheiros especializados em tecnologia de radares e a capacitação especializada de professores e o desenvolvimento de Programas de Mestrado em temática de interesse para o PERO.

O PERO é voltado para a capacitação acelerada em tecnologia de radares, requerendo dos participantes dedicação em tempo integral. Os estudantes recebem remuneração e benefícios (alimentação, plano de saúde e auxílio transporte).
As áreas-alvo para especialização são:

  • Transmissores – fontes de alimentação, válvula de RF, moduladores de pulso;


  • Receptores – eletrônica de RF, processamento de sinais;


  • Processador – eletrônica digital, técnicas de processamento de sinais;


  • Controle – servo-mecanismo de comando de antenas e acionamento de motores.

Parceiros
Micro-ondas, CMMi consultorias
Sensor de Estrelas
Transmissor, Receptor
Guerra Eletrônica
Servomecanismo
Subsistemas de satélites
Antena do Radar    

Financiamentos

Em 2003 a Omnisys recebeu 3 financiamentos PIPPE II da FAPESP para o desenvolvimento de um Radar Meteorológico Doppler e, em 2005, um financiamento FAPPE/PIPE III. O desenvolvimento foi concluído com 2 radares meteorológicos fabricados.

Em 2006, a empresa teve 2 projetos aprovados pela FINEP: Transmissor em Estado Sólido para Radar de Rota de Controle de Trafego Aéreo em Banda L e Sistema de Identificação Automática de Navios - AIS, na Subvenção Econômica à Inovação. Nos 2 projetos a Omnisys obteve o financiamento das contrapartidas. O projeto do transmissor radar foi concluído em 2008 e a fabricação de 10 radares foi lançada em 2009. Em 2008, a Omnisys teve os projetos SINDVAR, DDF, VSAT e Processador de Telemetria Digital aprovados.


O modelo de negócios da Omnisys é baseado na prestação de serviços e fornecimento de equipamentos de elevado conteúdo tecnológico. Visando ser uma empresa de alta tecnologia, referência mundial na sua área de atuação, a Omnisys depende diretamente de investimentos em P&D. Entre 1997 e 2001, Omnisys era uma empresa ainda de porte pequeno e com poucos recursos para investir em projetos de P&D.

Em 2002, a partir da assinatura de um contrato para a modernização dos radares de controle de tráfego aéreo brasileiros, surgiram as primeiras oportunidades para investir em projetos de P&D. Nesse ano a Omnisys contratou dois experientes engenheiros para liderar a formação de sua equipe de P&D. Assinou com a UNICAMP e o IPT convênios de cooperação técnica com o objetivo de capacitar engenheiros pós-graduandos em técnicas e conhecimentos voltados inicialmente para a área de radares e que foi, posteriormente, estendido às demais áreas de atuação da empresa.

Por conta do crescimento acelerado da demanda de conhecimentos, a Omnisys buscou mais profissionais com experiência comprovada em P&D. Em paralelo, a empresa investiu maciçamente em recursos materiais para adequação da sua capacidade de P&D (laboratórios, sala limpa, instrumentos de medida, software de simulação eletrônica, mecânica e térmica, câmera climática, padrões de aferição, etc.).

Em 2003, a Omnisys iniciou o desenvolvimento de um radar meteorológico doppler. Contando com financiamentos do programa PIPE II da FAPESP para o desenvolvimento do transmissor, receptor e antena e, em 2005, um financiamento PIPE III para a antena. O desenvolvimento do radar foi um sucesso e já foram fabricadas 2 unidades.

Em 2006, a Omnisys assinou um acordo com o Grupo Thales visando o desenvolvimento de uma nova geração de radares de controle de tráfego aéreo totalmente concebido com tecnologia em estado sólido. A Omnisys recebeu uma subvenção da FINEP no ano de 2007 para o desenvolvimento dos transmissores em tecnologia estado sólido para aplicação nesse radar. O desenvolvimento foi concluído no fim de 2008 e foi lançada a fabricação de 10 radares.

Hoje a Omnisys conta com 70 profissionais, entre engenheiros, técnicos e pesquisadores, dentre os quais 2 PhDs e 8 MScs, dedicados às atividades de P&D. Esses profissionais, através dos acordos de cooperação técnica com instituições renomadas, como a Unicamp e o IPT, recebem treinamentos específicos visando o aprimoramento dos mesmos nas tecnologias que constituem a área de atuação da empresa.

Também investiu na melhoria dos seus processos de qualidade, tendo obtida a certificação ISO 9001-2000 no início de 2008.
Dentre os projetos de Pesquisa destacam-se:
  • Modulador em estado-sólido de alta tensão para pulsos de curta duração para transmissores de radar (Recursos próprios);


  • Modulador de pulso em estado-sólido e alimentado por fontes chaveadas para transmissor de radar (PIPE-FAPESP Parceira Unicamp);


  • Processador de Telemetria para radares de trajetografia baseado em DSP (Recursos próprios / Parceira Unicamp);


  • Sistemas de servomecanismo para controle de antenas de Radar e Estações de Telemedidas (PIPE-FAPESP / Parceria IPT);


  • Receptor para Radares e Estações de Telemedidas (PIPE-FAPESP / Parceria Unicamp);


  • Fonte chaveada para modulador de pulso de radares (Recursos próprios / Parceria Unicamp);


  • Transmissor em estado sólido para radar de rota de controle de tráfego aéreo em banda L (Recursos próprios /Subvenção FINEP) e Sistema de Identificação Automática de Navios (Recursos próprios / Subvenção FINEP).


  • Dentre os projetos de Desenvolvimento destacam-se:


  • Radar Meteorológico Doppler Banda S;


  • Estação de Telemedidas banda S;


  • Amplificador de Baixo Ruído;


  • Processador Digital de Radar;


  • Transmissor para Radares de Trajetografia;


  • Sistema de Rastreio Óptico;


  • Modulador de Pulso a Estado Sólido;


  • Subsistema de Coleta de Dados para Satélite;


  • Computador de Controle de Atitude e Órbita e Computador de Gerenciamento de Dados para Satélite;


  • Subsistema de Transmissão de Imagens para Satélite.

 
 
 
 
Copyright © 2011 OMNISYS Engenharia Ltda. Todos os direitos reservados. Melhor Visualizado em 1024x768 ou superior.